A PRAIA DO ROSA

A Praia do Rosa fica em torno de 90 km de Florianópolis, praia rústica, cheia de estilo próprio, as casas e as pousadas com decorações de pranchas de surf, velas , artesanato local, jamaicanas e estilos de Bali.

Antigamente visitadas por hippes e surfistas, hoje ficou internacionalmente conhecida, sua extensão é de sete kilometros, tem um mar lindo , muita tranqüilidade, cem por cento natureza, muito reggae, surf e mulher bonita.

A Praia do Rosa tem dois lugares: o norte e o sul. O norte fica na subida a esquerda que vai para o centro antes da pousada Vila Aglifóglio, onde rola um swell ( Mar em boas condições) perfeito para o surf, podendo chegar a um metro e meio de onda, no verão o norte é lotado, a rapaziada, fica disputando onda, já no Rosa Sul segue-se a estrada principal até o final, passando a lojinha da Mormaii encontra-se a beira da praia. Dependendo do swell (Mar em boas condições) também rola (ocorre) um surf, mas é sempre mais tranqüilo.

O norte já é mais agitado, as garotas tomando sol na beira da praia esperando a rapaziada sair do mar, para dar aquela olhada , preparando um encontro na balada mais tarde. O clima no sul é mais para os que já se encontraram e formaram os pares. Quando bate a fome a galera vai para restaurante dos Gauleses, saborear sua deliciosa comida.

ROSA NORTE : 20 ANOS DE HISTÓRIA

Até o começo da década de 80, o Rosa era uma pequena e dispersa colônia de pescadores e plantadores de mandioca, sem nenhum tipo de comércio e nem mesmo centro urbano. Sem linha de ônibus, supermercado ou farmácia, começou a se transformar num balneário de verão. Com o tempo, esta gente foi criando raízes, filhos e juízo, e de suas casinhas rústicas surgiram as primeiras pousadas do morro. Nos últimos anos, a praia vem registrando um ótimo crescimento, com novas construções surgindo, ruas sendo abertas e estabelecimentos comerciais. A preocupação com o futuro da praia é geral, mas por enquanto o Rosa ainda preserva sua deliciosa mistura de civilização com natureza, de gente jovem com quem já aprendeu a administrar os prazeres da vida, de ondas perfeitas com plácidas lagoas à beira-mar…

ROSA SUL: VALE A PENA CONHECER

Existem lugares no mundo que não precisam de definições estatísticas, um deles sem dúvida é a Praia do Rosa. Ranqueada como uma das trinta baias mais belas do mundo e uma das dez mais bonitas do Brasil, este “pequeno paraíso” surpreende, não só pelo capricho da natureza em sua formação: com costões, mata atlântica, morros, lagoas e a praia com ondas perfeitas para a prática do surf, dividida em Rosa sul e Rosa norte, mas também pela estrutura turística integrada de forma perfeita com a paisagem.

São cabanas, pousadas, bares e restaurantes que de tão bem colocados no contexto geral, parecem ter nascido ali mesmo, junto com a formação natural do lugar, sem contar que nos meses de julho a novembro as mais ilustres visitantes são as baleias franca, que aqui vêm dar a luz e amentar seus filhotes e se deixam avistar a menos de 30 metros da praia, principalmente próximo aos costões do sul e do norte.

Na praia do Rosa, você descobrirá que o rústico não precisa ser desprovido de conforto e luxo e que a preservação não impede o desenvolvimento quando se respeita o significado do termo crescimento sustentável.